sábado, 31 de março de 2012

Olá!

Oi, pessoal. Tudo bem?!

Meu nome é Jared. Alguns de vocês não me conhecem muito bem, mas estou aqui para compartilhar as novidades do projeto para vocês!


EarthBound:

Eu comecei a tradução de EarthBound em 2008 como um projeto divertido para passar o tempo. Durante esses quatro anos, várias pessoas contribuíram para o projeto e a gente aprendeu bastante no processo.

A tradução inicial de EarthBound foi concluída já faz anos. Mas, com o tempo, aprendemos muitas coisas que poderíamos fazer para melhorar a tradução. Então, a gente vai dar mais uma lida para ter certeza que a qualidade do texto esteja no mesmo nível da tradução de MOTHER 3.

Mas, para conseguir isso, não basta apenas corrigir a gramática e as inconsistências de EarthBound. Em 2008, eu usei uma ferramenta para inserir o texto na rom. Esse processo é bastante rápido, só que pode causar problemas no jogo. Problemas que não consegui consertar. Então, quando a gente terminar a revisão do texto de EarthBound, eu vou inserir todo o texto usando PKHack, um hex editor, e muita paciência. Esse processo vai demorar, mas o jogo não vai ter erros que impeçam o progresso do jogador.

Se você jogou o beta da nossa tradução de EarthBound, você sabe como tudo isso é importante.

Infelizmente, eu e o Foffano estamos muito ocupados esses dias, mas não vamos desistir. O jogo vai ter a tradução que merece para português.


MOTHER 3:

Quando Foffano começou aqui, ele pediu para ajudar com a tradução de MOTHER 3. Na época, a tradução de Tomato para inglês ainda não havia sido lançada e a gente estava esperando para ver os planos para traduzir o jogo para outras línguas.

Quando recebemos o texto para ser traduzido, Foffano, Draco, Gustavo e mais alguns ajudaram bastante. A gente conseguiu traduzir tudo em pouco tempo, mas o problema é que a tradução não é tudo. Foffano começou a verificar a tradução e o cara corrigiu quase todos os erros sem jogar nada.

Desde aquela época, eu comecei a hackear o jogo para inserir texto e imagens. A gente já inseriu todo o texto, e o processo de inserção de gráficos está em andamento. Veja algumas imagens:






Falta pouco. A gente vai lançar a nossa tradução de MOTHER 3 ainda esse ano.

Espero que todos já tenham jogado a tradução de MOTHER 1. Foffano fez um ótimo trabalho. O jogo é antigo, mas ainda assim é muito divertido.

Um abraço a todos.

.

46 comentários:

Foffano disse...

E parabéns pelo filhinho, Jared! =D

Anônimo disse...

Q legal!Ainda este Ano MOTHER 3!!!!!!!!!

CaioCP disse...

Não sei explicar porque, mas não fui com a cara de mother 3, terminei o jogo mas senti que esta faltando algo.
Prefiro os bons e velhos mother 1 e 2, principalmente o 2, acho ele perfeito sem coisas desnecessarias, tem uma historia mais envolvente e lugares masi bonitos para se visitar, me divirto muito mais com ele.
Achei mother 3 enjoativo.
Acho q estou ficando velho...

Bem, vou ficar na espera do Earthbound.
Vlw pelo esforço pessoal.

Thati disse...

Hmm, eu sou obrigada a discordar do Caio. Eu, apesar de gostar muito de MOTHER e EarthBound, prefiro MOTHER 3 à os dois.
Acho que porque o plot de MOTHER 3 seja inegavelmente mais bem construído. Porque covenhamos, mesmo que a história de Earthbound seja bem legal, principalmente lá para o fim, é bem mais simples que a de M3. Lá, temos um plot pré estabelecido que vamos seguindo até o fim do jogo, que é coletar as melodias e derrotar Giygas. Claro que é divertido explorar o vasto mundo de EB, mas é uma coisa bem mais simples. O mesmo em M1. Já em M3 é diferente, tem desenvolvimento de personagem, uma progresssão da trama bem construída, toda uma emitologia no que se refere aos gêmeos e a mudança de comportamento da vila Tazmily, e cenas emocionantes. (As que envolvem a Hinawa, principalmente). Também prefiro o battle system de M3, por ter as batalhas musicais, se torna mais interativo. O jogo também é bem trabalhado nos mais pequenos detalhes, o texto muda a qualquer evento, por menos que seja, Duster anda mancando, não importa a roupa que esteja usando, as flores mudam conforme o tempo passa.... E o visual, mesmo sendo em pixels, bem simples, é muito bonito e colorido, bem trabalhado, tem seu charme.
Então, no geral, acabo preferindo M3, pelo plot e personagens bem construídos.

(E repetindo, adoro Earthbound e M1, só acho que M3 se superou em relação à eles. Pra mim, conforme a serie MOTHER foi indo, melhor foi ficando! :D)

Enfim, que bom que irão lançar MOTHER 3 esse ano! Jogar em português, com os cenários traduzidos, parece ótimo! Aguardo ansiosamente, sorte no projeto! /o/

(Esse comentário ficou enorme! :|)

Foffano disse...

CaioCP e Thati:

Também concordo que MOTHER 3 tem mais enredo. Em todo momento do jogo, você sabe exatamente o que está acontecendo e o que precisa fazer. Os acontecimentos desencadeiam novas tramas e você se sente realmente motivado a retirar uma nova Agulha. Isso sem contar que todos os personagens têm um papel importante ao longo da história.

EarthBound, ao meu ver, não tem isso. Ele é feito mais de pequenas histórias paralelas do que uma história central. Às vezes, você até esquece que precisa encontrar os "Seus Santuários". O maior foco do jogo, pelo que parece, é a diversão. Você é bastante livre para viajar para qualquer lugar a todo momento, e sempre encontra algo novo por lá. Os personagens são muito engraçados e as cidades cheias de vida.

Já MOTHER 1 eu prefiro não comentar muito. Ele está mais para o lado de EarthBound, mas possui uma história que fica limitada por causa das restrições da época.

Cada jogo tem um foco, e eu não gosto muito de ficar comparando-os. Se for para escolher, eu perfiro EarthBound, porque acho linda a ideia de quatro amigos de 10 anos de idade correndo ensandecidos pelas ruas, comendo sandubas e descendo porrada em velhas com sacolas. É como se eu voltasse à minha infância...

Douglinhas disse...

Mesmo gostando demais das series eb,nao terminei 2 nem o 3 to esperando a tradução pra entender melhor o jogo mais só pelo pouco que joguei prefiro M2 a história,musicas etc.Tudo achei melhor mesmo gostando de todos,e pelo jeito vai ser lançado M3 primeiro mais ta bom saindo tradução já e uma coisa boa :D

Douglinhas disse...

A foffano esqueci uma coisa,quando sair a tradução pedi pra sua irmã eu acho,apresentar a nova tradução como ela fez no eb zero fico legal :)

Foffano disse...

Douglinhas:

HAHAHA! É minha irmã mesmo. Pode deixar que vou colocá-la para apresentar sim!

TragicM disse...

HUAHUAHUA, eu tinha esquecido disso.

Ness BR disse...

Todo esse clima me faz lembrar da primeira vez que joguei Earthbound. Foi no legítimo Super Nintendo, lembro de ter alugado a fita por 50 centavos. Como eu era pequenino, tinhas uns 5 ou 4 anos, não entendi direito o jogo, mas gostei pelo fato de você poder passear pela cidade, fingia que ali tinha uma vidinha, saia da casa do Ness, ia pra escola, depois ia ao fliperama, comia um lanche na lanchonete e de vez em quando pedia pizza pelo telefone (isso no jogo). Nunca passei de Onett, mesmo assim achava o máximo. Depois cresci, meu Super Nintendo estragou, Zerei o Earthbound pelo emulador. Na minha opinião, a série Mother desbanca muitos jogos de última geração que tem por aí.

CaioCP disse...

Alguns spoilers abaixo
----------------------


Depois de ver esses comentarios me senti obrigado a dar uma olhada no jogo outra vez. Confesso que faz um bom tempo que eu joguei m3, foi bem logo apos sair a tradução, e ja nao me lembro de muita coisa. A thathi dise que os lugares passam por mudanças a medida que o jogo avança, algumas desas mudanças eu percebi como o aparecimento de ferrovias e aparecimento-desaparecimento de casas e outras contruçoes, ja flores acho que nem parei pra reparar, depois de um tempo comecei a fazer tudo meio na correria, principalmente na parte de entrar no mar, odeio partes com agua em jogos, mas enfim.
O que realmente me chamou a atenção em M3 foi a parte da nostalgia, varios lugares em que eu pasava lembravam muito de EB e M1, como por exemplo o saturn valley que nao sei como se chama em M3 mas é muito parecido, lugares que lembram muito Deep Darkness, MT Itoi, a Starman Fortress, alguns interiores de cavernas, pesooas entubadas e principalmente a area final do jogo que apesar do barulho de gelatina lembra muito a Cave of the Past, sem deixar de mencionar o mini museu de Earthbound.
Em m3 eu não consegui encontrar um personagem que se identificasse comigo, fora o Flint talvez.
Achei super legal aparecer o rosto dos personagens na tela de batalha, as batalhas continuam do jeito classico (Eu sei que vou receber criticas por isso) mas o sistema de combos não me agradou, foi ate legal no começo mas esse ritmozinho dos golpes enche o saco depois de um tempo.
Senti mesmo a falta de um cara com um boné vermelho e um taco de baseball. Ao jogar a serie mother da pra sentir que isso era caracteristico da serie, mas mudou em M3. Lembro que na epoca eu tinha achado o jogo meio gay, acho que vi recentemente alguns comentarios sobre isso num blog, não que isso me incomode, ate deixou alguns momentos engraçados.
O que eu nao entendi até hoje, qual é a daquela maçaneta?


Mas como você disse Foffano, nada como catar um hamburger do lixo e descer a porrada num hippie ou uma velha de sacolas, talvez isso me prenda a Earthbound, voce esta dormindo na maior tranquilidade quando do nada um meteoro cai do lado da sua casa, voce levanta de pijamas mesmo e vai ver o que aconteceu, percebeque os animais e pessoas estao começando a agir estranho e vai descobrir por si só o que esta acontecendo, no meio do caminhos se depara com varias coisas engraçadas e personagens marcantes que continuam com voce ate o final.
Lembro como se fosse ontem, acordar no meio da madrugada para jogar um pouco antes de ir para a escola, fazer algumas batalhas, encontrar um lugar interessante e pasar o dia pensando o que eu teria que fazer depois disso.
Na epoca eu jogava as vezes com um amigo, da pra jogar no "multiplayer" durante a batalha entao nos dividiamos o time em 2.
Meu lugar favorito nele, por mais simples que seja é a Grapefruit Falls, talvez pelo trabalho que deu , devo ter ficado uns 6 meses tentando descobrir que eu tinha que nao fazer nada por 3 minutos na cahoeira, o probre garoto na epoca nao entendia nada de ingles.

Resumindo tudo, nao digo que nao gostei de M3, ele só me da mais vontade de jogar Earthbound, talvez por ele ter sido um jogo da minha epoca que marcou minha infancia, simples e divertido. Nao comentei muito sobre M1, joguei ele nao a muito tempo, claro ele é antigo e tem diversas limitaçoes e falta de detalhes mas ainda sim acho muito bom, M2 conserva varias caracteristicas dele.

Gosto dos 3 jogos mas minha preferencia fica mesmo é com Earth bound.

Ufa, acho que dise tudo, acabei fazendo um review aqui.

Douglinhas disse...

Eu lê o resumo da guerra e paz ae hsuahssus também achei o jogo meio gay,mais ai vem a frase de não julgar o livro pela capa pra achar mother legal tem que jogar.
Também prefiro earthbound mais gosto dos 3 :D

Anônimo disse...

Ótimo saber que os projetos continuam em andamento. Aguardo anciosamente pelo Mother 3 em português. Parabéns pelo trabalho pessoal!

@J.Vila

Thati disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thati disse...

Caio, eu entendo o que quer dizer. Pra quem procura mais ação e diversão, Earthbound é sem dúvidas a melhor pedida. Tudo é divertido lá! As lutas, os lugares, os poderes... (menos enfrentar o Giygas, claro xD)
E pra quem liga um pouco mais para o lado da história, desenvolvimento dos personagens e etc. (os chatos que nem eu :|) acaba ficando com MOTHER 3.
Mas pra mim, os dois são muito bons, só que de maneiras diferentes. :D

Enfim, algo off-topic, que CONTÉM SPOILERS (estão avisados), mas que eu vou dizer: Um dos motivos que me faz gostar tanto de MOTHER 3 são os quatro protagonistas. O Lucas é muito interessante (e se torna mais interessante quando se lê os livros que inspiraram ele e o Claus, de acordo com o Itoi!) . Gosto dele, de como ele era um menino tímido, mimado e chorão e de repente tomou um choque de realidade na cara, vendo tudo ao seu redor desmoronar: A mãe morreu na sua frente, o irmão gêmeo que era muito unido a ele desapareceu sem deixar rastros, e o pai, apesar de vivo, quase não lhe dava atenção por estar muito obcecado em achar Claus, e relembrar Hinawa. E tudo isso aconteceu enquanto a vila pacífica dele foi se transformando numa cidade cheia de hipócritas, materialistas, que muitas vezes o desprezavam (dá pra ver que eles não gostam do Lucas após o time skip). Tudo isso fez com que ele amadurecesse como pessoa, se tornasse mais forte e mais decidido. Ele foi lentamente evoluindo para um guerreiro, um herói em que todas as pessoas podiam (e deviam) confiar.
O Duster é um ladrão manco, que parecia um vagabundo e era destratado pelo pai, basicamente. O ponto alto dele, para mim, foi o envolvimento dele com o DCMC. Foi a primeira vez que ele fez amigos de verdade, onde ele se sentiu aceito.... e ele teve que partir. Foi triste.
A Kumatora é a melhor princesa da Nintendo, sem mais. Tomboy, de personalidade muito forte, mas que mesmo assim não é babaca com os outros, e até costuma ser gentil com o Lucas. Sem contar os poderes PSI dela. :D
E o Boney tem muito mais personalidade do que você esperaria de um cachorro num jogo de RPG. Ele é inteligente, e por muitas vezes 'cuida' do Lucas como o Flint deveria, se não estivesse tão ausente.

Isso sem contar a história do Claus, que se você parar pra pensar, é bem pior que a do Lucas.

Enfim, acabei fazendo uma mini resenha aqui.... xD

Douglinhas disse...

Hey Pessoal
Olhem o começo dessa musica http://www.youtube.com/watch?v=P_bTaLmKiNw em alguma parte do jogo,ela aparece so que não lembro '-' (espero ta certo)

TragicM disse...

Nossa, muito obrigado Caio e Thati. Curti seus comentários, e fiquei com saudades de jogar Earthbound e Mother 3.

Caio, para mim, a maçaneta representa em como saudades de casa podem aparecer em qualquer lugar. Também acho que tem a ver em como o mundo tirou a habilidade de Flint entrar na sua casa como homem valente.

SPOILERS AHEAD!

Quando penso em casa, maçaneta não é a primeira coisa em que eu penso. De fato, nem penso em maçaneta. Mas já imaginou em estar muito longe de casa, e ver a própria maçaneta de seu lar no chão? Abrindo a porta de casa é o jeito de dizer oi para ela. Thomas representa o mundo, e quando ele tira a maçaneta da porta, isso quer dizer que o mundo está tirando a habilidade de Flint entrar no seu lar, passar tempo com a família, e ter uma vida normal como Pai.

Mas isso quer dizer que Flint nunca pode entrar na sua casa de novo? Que tudo está perdido? Claro que não, e a maçaneta aparece no jogo várias vezes para relembrar o jogador que ainda existe esperança. Assim o jogador sabe que Flint vai, um dia, econtrar a maçaneta, e vai voltar para ser o Pai que vai apoiar Claus.

Thati, gostei muito os seus comentários sobre Claus, Kumatora, Duster e Boney. Acho que Itoi mesmo fez um grande trabalho com Mother 3, e nunca que aparece no jogo é tosco. Tudo tem um propósito.

Douglinhas: Aquela música mesmo parece um pouco como a música do Naming Screen de Earthbound. Mas não sei, talvez existe outra música no jogo que é mais aparecida.

Gente, é muito bom ler os commentários de todo mundo!

Anônimo disse...

eu achei um video super idiota no you tube
ronald macGiygas

http://www.youtube.com/watch?v=kWUmt1HXxns&feature=fvsr

e no final uma musiquinha que eu acho que é de um dos jogos da franquia final fantasy, não tenho certeza...

Anônimo disse...

GALERA TEN UM BUG NO EARTHBOUND QUE NAO TA DEIXANDO EU CONTINUAR! E NA HORA DA CIDADE FOURSIDE DE ENTREGAR O DIAMANTE PARA A MULHER E LIBERTAR OS TRES FUGITIVOS! DEPOIS QUE EU ENTREGO PARA ELA,ELA FALA: (eu ganhei muito dinheiro) que,que.que? eu nao consigo ver direito desta distancia mostre mais de perto! ai quando eu vou mostrar de novo o diamante nao esta mais comigo! tire o bug por favor :(

Foffano disse...

Anônimo:

Certamente, você baixou a tradução e nem leu:

"Por não ser final, a versão beta possui o texto ainda não revisado e alguns bugs que VÃO impedir seu progresso. Baixe mesmo só se estiver curioso."

Dane disse...

Eu acho que ficar comparando Earthbound com Mother 3 é besteira. Como a história é bem diferente de Earthbound é óbvio que não dá pra comparar. Cada um tem seus pontos fortes e fracos, é questão de gosto mesmo. Eu prefiro Earthbound, mas o M3 é um jogaço xD E finalmente teremos a tradução ainda esse ano \o/

Thati disse...

Pois é, Dane, apesar de serem da mesma franquia, são jogos bem diferentes um do outro. Nem faz muito sentido comparar. :D

Mas uma observação que eu faço... me parece que eu sou a única pessoa daqui que prefere Mother 3 á EarthBound. Triste... :|

felipe disse...

não é não tambem tem eu no meio termo

Matheus (MATH???@) disse...

Eu penso comigo assim: e quando acabar todas as traduções? O que acontecerá com o site? Tipo, a Nintendo não deu mais sinal de vida para a série, e pelo jeito, notícias sobre a série também estão escassas. Não queremos que feche :/ façam colunas, por favor D:

Foffano disse...

Matheus:

Eu já troquei uma palavra com os fãs que estão fazendo o MOTHER 4 e parece que teremos a honra de traduzi-lo. Além disso, pretendo transformar o blog em um local onde você possa consultar tudo sobre a série, talvez incluir até detonados. Mas vamos com calma; uma coisa de cada vez, né?

Matheus (MATH???@) disse...

Ah, sim! É que fiquei preocupado, já que a tradução está acabando, e nada fa Nintendo "ressuscita" a série :/ porém... com tantos jogos voltando, como Kid Icarus e Fire Emblem, e com a surpresa quase que do anda de New Super Mario Bros. 2, não tenho dúvidas que na E3 desse ano ou do ano que vem traga algo sobre Mother! Mas será? :/ aliás, quem é o criador da série?

Hugo disse...

Matheus, o criador de mother é Shigesato Itoi Mais, tambem queria que tivesse um novo mother anunciado na E3 mais vale lembrar que fizeram uma pesquisa de qual franquia da nintendo merecia um novo jogo em 2º
saiu mother

Matheus (MATH???@) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

seria simplesmente incrível se tivéssemos um mother 4
e seria muito legal ter detonados, o único detonado de earthbound que eu achei (eu procurei muito tempo) foi no detonado de bolso.
~le eu aqui torcendo para que tenhamos a graça de receber um earthbound 3~

Eridane Forneris disse...

Uma pergunta... O novo Mother está sendo feito por fãs, é isso? Não duvido da qualidade, mas do andamento dele pelo fator dos direitos autorais... Não vai ter nenhum problema? Quando tentaram lançar um remake de Chrono trigger a muito tempo atrás... Se não me engano o pessoal responsável fechou o projeto imediatamente. :\

Foffano disse...

Anônimo:

Ali na barra da direita tem os detonados de todos os jogos. Só que em inglês.


Eridane:

MOTHER 4 é um projeto de fãs. Muito bem feito, por sinal. Vale conferir o site na página de links.

Não sei por que Chrono Trigger foi fechado, mas vejo muitos projetos de fãs rodando por aí, inclusive programas que incentivam a criação, como Super Mario Bros X e Zelda Classic.

Acredito que eles só vão parar esse projeto se a Nintendo mandar, o que, a meu ver, é MUITO improvável.

Eridane Forneris disse...

Ah, mas pelos direitos autorais... Ou eles fecham o projeto ou compram e trabalham nele. Não acho improvável, fizeram isso com Chrono que estava ficando perfeito na época. Dá até um sentimento ruim quando penso nisso, imaginem se tivesse saído o projeto mesmo?
Pra quem não sabia desse projeto arruinado: http://www.youtube.com/watch?v=-ANEBIB0oao Se não me engano era pra Nintendo 64. Aliás eu realmente não sei pq não seguiram a linha de Chrono... Com histórias bem construídas como essa, personagens carismáticos e bons gráficos... Poderíamos ter outros 3 jogos (ignorando que Chrono cross existe.Já que pra mim é completameeente diferente do Chrono trigger.)

Eridane Forneris disse...

"Chrono Ressurection, também chamado de Chrono Trigger: Resurrection é um jogo eletrônico gratuito criado por fãs do jogo Chrono Trigger baseado no mesmo. O desenvolvimento do jogo acabou atingindo qualidade profissional e isso fez a empresa japonesa SquareEnix ameaçasse processar os criadores se não cancelasse o desenvolvimento do projeto. O jogo tinha estilos de luta parecidos com os de Chrono Cross."

Samuel Petersen [SKPeter] disse...

Olá.
Não sabia que esse projeto ainda estava na ativa. Joguei M3 há muito tempo atrás também, quando a tradução do Tomato saiu.

Mother 3 é um dos únicos jogos que sobreviveu ao genérico dos games de hoje. Nunca fui fã de RPGs, mas Mother 3 tem uma storyline tão envolvente que me traz memórias até hoje. E é triste você querer compartilhar essas memórias e sentimentos do jogo com seu caro colega brasileiro e ele não fala inglês.

Boto fé nessa tradução, estava planejando fazer um gameplay legendado mas sabendo que vocês estão desenvolvendo ainda, vou esperar e jogar a tradução de vocês.

Adicionem mais um na lista de empolgados... Não me decepcionem!


@Eridane: Acho bem improvável. Diferente da SquareEnix, o Itoi parece ser do tipo que seria bem mais liberal em termos de direitos autorais, e provavelmente não iria ligar se fãs continuassem a série, pois ele mesmo não quis continuar.

Jagunsu disse...

Cadê o post de dia das mães? rçrç

Douglinhas disse...

E mês post de dia das mães,mais já que passou faz algum novo ai.

Foffano disse...

Ah, poxa, é verdade. Deixei o dia das mães escapar... =P

Eridane Forneris disse...

Que vergonha deixar o dia das mães escapar hein Foffano? Ainda mais com mães tão fofas como mãe dos gêmeos e a mãe do Ness. xD

Thati disse...

E além das mamães fofas que faziam sua comida preferida e te entendiam em Mother 1 e 2, tem a Hinawa, também. Discutivelmente a mãe com mais importância no enredo de um game (isso claro, no papel de mãe, tiveram outras 'mães' com relevância, mas nenhuma tendo relevância como sendo antes de tudo mãe do protagonista). Sem a Hinawa, tudo seria diferente... Tudo MESMO! Que a Hinawa sempre seja lembrada. :'D

Anônimo disse...

Falta muito ainda para ser lançado?
Espero que não >_<

Douglinhas disse...

Os mlk estão frenéticos,mais também quero muito o mother >.<

Samuel Petersen [SKPeter] disse...

Eu também espero que não... No momento estou meio que "contando" com esse lançamento. Mas não querendo pressionar a equipe; a pressa é inimiga da perfeição.

Douglinhas disse...

Isso ae mesmo,melhor esperar bastante e ter uma coisa boa,do que fazer tudo na pressa e ficar cheio de Bugs o jogo.

P.jr disse...

Esperando EarthBound tb! >.<

Anônimo disse...

Caramba, que demora para traduzir mother 3... Já até desisti de jogar...
Porque vocÊs não postam um tutorial explicando como traduzir e os links dos programas necessários que eu mesmo traduzo.

Puta demora!

Anônimo disse...

O projeto foi abandonado?

EarthBound Brasil - Designer: Douglas Bowman | Dimodifikasi oleh Abdul Munir Original Posting Rounders 3 Column